Dicas para viagens ao exterior, tendo contratado ou não o Seguro Viagem Internacional

À medida que a globalização vem invadindo nossas vidas, alguns países no mundo, remando de encontro a esta tendência, têm adotado medidas mais rigorosas no controle da entrada de estrangeiros em seus territórios. Desta forma, quando você for viajar ao exterior, a passeio, trabalho ou estudo, deve tomar cuidados adicionais antes de sua viagem.

Abaixo relacionamos algumas recomendações, tiradas dos sites das próprias embaixadas de alguns países espalhados pelo mundo, para sua viagem ser realmente maravilhosa.

Dicas para viagens ao exterior:

 Conforme apresentado em nosso artigo sobre o Tratado de Schengen, alguns países não exigem visto para turistas brasileiros, porém essa dispensa não serve para quem for trabalhar ou estudar, portanto fique atento a este fato.

 Caso sua intenção seja trabalhar ou estudar no país de destino, não viaje com visto de turista, pois desta forma, você poderá ser deportado ou dependendo do país, até mesmo preso.

 Cada país tem diferentes critérios para a entrada e permanência de estrangeiros. Verifique junto à Embaixada ou Consulado do país de destino sobre quais são esses requisitos, dependendo do objetivo da sua viagem.

 Quando for viajar leve sempre cópia de todos os seus documentos. Eles serão necessários para tirar novo passaporte no exterior em caso de perda ou roubo do anterior.Seguro viagem inter

 A decisão final sobre sua entrada somente é dada no ponto de entrada pela autoridade estrangeira. É decisão soberana de todo país aceitar ou não a entrada de cada estrangeiro em seu território. Portando ter um visto ou estar dispensado do visto não te dá direito à entrada automática naquele país. Então adote sempre tom respeitoso e evite cair em contradições nos contatos com as autoridades migratórias.

 Da mesma forma, as Embaixadas e Consulados não são obrigados a conceder os vistos solicitados. A recusa em conceder um visto não necessariamente precisa ser justificada.

 O tempo de estada no país de destino será determinado pela autoridade migratória no ponto de entrada. Verifique bem qual foi o prazo autorizado no seu caso.

 Não acredite em intermediários que prometem levar você a algum país sem os documentos exigidos. Trata-se de imigração ilegal e você poderá acabar sendo deportado ou até pior, poderá ficar preso naquele país. 

 A maioria dos países no mundo adotam penalidades rigorosas de punição ao tráfico de drogas e entorpecentes, sendo que alguns países aplicam a pena de morte se ficar comprovados fatos assim, independentemente do alegado desconhecimento quanto à legislação local.

 Não viaje para regiões claramente conflagradas ou conturbadas. Na dúvida, consulte antes o Ministério das Relações Exteriores.

 Leve consigo os endereços e telefones das Embaixadas e Consulados brasileiros no seu país de destino, bem como o telefone de sua operadora do seguro viagem internacional (caso possua), e em caso de dificuldades não hesite em contatá-las.

Fonte: Divisão de Assistência Consular

Você também pode gostar destes artigos:

Dicas para viagens ao exterior, tendo contratado ou não o Seguro Viagem Internacional
5 (100%) 1 vote
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

13 comentários sobre “Dicas para viagens ao exterior, tendo contratado ou não o Seguro Viagem Internacional

  1. I would like to use the ability of thanking you for the professional instruction I have enjoyed going to your site. We’re looking forward to the commencement of my university research and the overall groundwork would never have been complete without consulting your website. If I may be of any help to others, I will be pleased to help by means of what I have discovered from here.

Deixe um comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.